close

APERFEIÇOAMENTO: Abertas as inscrições para bolsas no curso superior de Agrocomputação

Vinte destas bolsas, além do auxílio na mensalidade, contarão com uma ajuda de custo mensal, correspondente a um salário mínimo, durante toda a duração do curso

O LIVRE

26 de Setembro de 2019 às 14:57

APERFEIÇOAMENTO: Abertas as inscrições para bolsas no curso superior de Agrocomputação

FOTO: (Divulgação)

Estão abertas, até 4 de outubro, as inscrições para as 23 bolsas de estudo integrais que a Fundação André e Lucia Maggi (FALM) está oferecendo para o curso superior de Tecnologia em Agrocomputação, realizado pela Fatec Senai em Rondonópolis (MT).

 

Vinte destas bolsas – além do auxílio na mensalidade – contarão com uma ajuda de custo mensal, correspondente a um salário mínimo, durante toda a duração do curso (18 meses).

 

Podem se inscrever jovens entre 18 e 24 anos, que tenham concluído o ensino médio e residentes em qualquer município do país. Mas é importante estar ciente de que o curso será realizado em Rondonópolis (MT).

 

Passo a passo

 

É necessário ser aprovado no vestibular da FATEC e indicar no ato da inscrição do vestibular que deseja participar do processo de seleção de bolsas da Fundação André e Lucia Maggi e preencher o formulário socioeconômico, disponível no site. As provas ocorrem dia 5 de outubro, das 8h às 11h ou das 14h às 17h.

 

Sobre o curso

 

O curso de Agrocomputação vai possibilitar o desenvolvimento de conhecimentos em relação a Ciências Agrárias, Processamento e Análise de Volumes de Dados, Manutenção de Sistemas Automatizados, Gestão de Sistemas do Agronegócio de acordo com normas técnicas e de qualidade, legislações específicas como: ambiental, trabalhista e de saúde e segurança no trabalho.

 

 

A Fundação André e Lucia Maggi (FALM) é a instituição responsável pela gestão do Investimento Social Privado da AMAGGI nas regiões estratégicas para a empresa. Sua atuação está voltada para o fortalecimento do protagonismo social de jovens e lideranças para o desenvolvimento local sustentável. Acompanhe a FALM pelo site, Facebook, Youtube e Instagram (@sigafalm).

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS