close
logorovivo2

Mulher que não come há 16 anos vai acabar com a greve de fome

Irom Sharmila iniciou o seu protesto devido aos maus tratos dos militares do país

DA REDAÇÃO

27 de Julho de 2016 às 16:43

Mulher que não come há 16 anos vai acabar com a greve de fome

FOTO: (Divulgação)

Irom Sharmila, uma ativista indiana de 44 anos, não ingere nenhum alimento voluntariamente desde 2000, ano em que começou o sua manifestação contra uma lei indiana que suspende a defesa de vários direitos humanos em áreas de conflito.

Depois de ter iniciado a sua greve de fome, Irom foi presa por tentativa de suicídio, visto ser considerado um crime na Índia.

Decidida a não comer, os médicos foram obrigados a alimentá-la através de um tubo colocado no seu nariz.

VEJA TAMBÉM: FACEBOOK - Rapper americano posta vídeo dando tiro na própria boca - ASSISTA

“A única maneira de conseguir mudar alguma coisa é através do processo eleitoral. Vou candidatar-me como independente a Malom”, disse a ativista. Para ela o mais importante é conseguir banir a lei que permite aos militares agirem como quiserem, sem serem punidos.

Segundo a lei indiana, os militares têm direito de disparar sobre todos aqueles que considerarem rebeldes e podem prender sem a obrigatoriedade de um mandado.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS