close
logorovivo2

Assaltante obrigou casal a fazer sexo durante roubo, diz polícia

Suspeito foi preso nesta semana em Campo Grande; uma das vítimas foi baleada e ficou gravemente ferida

DA REDAÇÃO

13 de Agosto de 2016 às 10:38

Assaltante obrigou casal a fazer sexo durante roubo, diz polícia

FOTO: (Divulgação)

Um homem preso na última segunda-feira (8) em Campo Grande, suspeito de roubo, obrigou as vítimas a fazerem sexo na sua frente. As informações são da Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Roubos e Furtos (Derf). Armado, o assaltante ameaçou o casal e atirou contra o homem, enquanto a mulher conseguiu fugir.

"Ele [suspeito] queria que o casal fizesse sexo, mas o rapaz disse que não ia dar para fazer [sexo]. Então, ele ordenou que as vítimas fizessem atos libidinosos. Então, o rapaz ficou deitado de barriga para cima e a jovem ficou sobre ele de barriga para baixo", disse o delegado Carlos Delano.

Os investigadores apuram se o suspeito, de 36 anos, filmou a ação. "A jovem ficou de costas para o suspeito, com uma espécie de lanterna e não se sabe se ele [suspeito] estava filmando a cena ou se estava se masturbando", disse o delegado.

O homem foi detido horas depois do crime contra o casal, após furtar um notebook. "O crime [contra o casal] aconteceu à uma [hora] da madrugada. Quando foi duas da tarde, um suspeito com roupas parecidas foi preso no mesmo bairro por furtar um notebook. Aí nós resolvemos reconhecê-lo", explicou Delano.

VEJA TAMBÉM: 
Dupla invade residência, rouba e tenta estuprar vítima

Segundo o boletim de ocorrência, o casal estava dentro de um carro quando foi abordado pelo assaltante armados. Eles foram levados até um matagal e coagidos a tirar a roupa. A jovem conseguiu fugir do local, entrou no carro e dirigiu até um posto policial. Ela ouviu três tiros e, ao voltar ao local do crime com policiais, encontrou o namorado baleado só de cueca. Os disparos atingiram seu braço direito e o abdômen.

Segundo boletim médico emitido na última quinta (11), o estado de sáude do rapaz era grave. Ele está internado, em coma, na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da Santa Casa.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS