close
logorovivo2

MEDIDA: Diplomata é demitido após ser preso suspeito de agredir namorada

Primeiro-secretário Renato de Ávila Viana tem histórico de agressão

NOTÍCIAS AO MINUTO

20 de Setembro de 2018 às 09:10

MEDIDA: Diplomata é demitido após ser preso suspeito de agredir namorada

FOTO: (Divulgação)

Um diplomata brasileiro foi demitido do Ministério das Relações Exteriores após ser preso nesta quarta-feira (20) suspeito de agredir uma mulher. Renato de Ávila Viana ocupava o cargo de primeiro-secretário. A medida foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira (20).

 

De acordo com o portal 'Metrópoles', a medida é resultado de um processo administrativo disciplinar (PAD) aberto após denúncias de uma ex-namorada de Viana, que entrou com uma ação da Justiça por ter sido agredida por ele. O servidor teria arrancado o dente da companheira com uma cabeçada. Ele ainda pode recorrer da decisão.

 

Segundo a reportagem, Renato tem um histórico de agressão a mulheres. Já houve registros de ataques a duas mulheres em outros países e a mais duas no Brasil. Como tem imunidade diplomática, as autoridades dos países estrangeiros precisaram recorrer ao Itamaraty para abrir investigações.

 

Nessa quarta, ele foi levado para a 5ª Delegacia de Polícia (área central) após vizinhos ouvirem gritos da atual namorada dele. A polícia encontrou a vítima com diversos ferimentos nos braços. Ele pagou uma fiança de cerca de R$ 1 mil e foi liberado.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS