close
logorovivo2

LINCHADO: Casal que acusou brasileiro morto na Bolívia é preso

Quase completando um mês da barbárie em San Julian (Bol), o Casal que acusou e incitou a revolta dos "Collas" foi preso pela Polícia Boliviana

DA REDAÇÃO

30 de Novembro de 2018 às 15:34

LINCHADO: Casal que acusou brasileiro morto na Bolívia é preso

FOTO: (Divulgação)

 

Foram presos ontem o casal da cidade de San Julian (Departamento de Santa Cruz - Bolívia) Javier Flores Juana Choque, acusados de incitar o ódio dos moradores da cidade, em sua maioria do povo "Colla" (Indígenas Bolívianos), que lincharam mataram enformado em praça pública o Brasileiro Vinicius Maciel, 32 anos. 

Após investigações da Polícia Nacional Boliviana (PNB), junto com a "Especialia' (Promotores de Justiça), foi pedida a busca do casal que acusou a vítima de estar armado e de tentativa de roubo. ELes estavam foragidos eo portal Santa Cruz On Line informou que foram detidos. 

 

SAIBA MAIS: FORAGIDOS NA BOLÍVIA: Reviravolta no caso da morte do Brasileiro na Bolívia e casal que acusou a vítima é procurado

 

SAIBA MAIS: TENSÃO NA FRONTEIRA: Estudantes na Bolívia vivem medo e terror após morte cruel de brasileiro

 

 

 

 

 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS