close
logorovivo2

MOTIM: Pelo menos três presos são assassinados durante rebelião

Números de mortos pode ser ainda maior podendo chegar a dez. Polícia está fazendo levantamento

O ATUAL

26 de Maio de 2019 às 18:58

MOTIM: Pelo menos três presos são assassinados durante rebelião

FOTO: (Divulgação)

Uma rebelião no Compaj (Complexo Penitenciário Anísio Jobim), na zona rural de Manaus, na manhã deste domingo, deixou três presos mortos, segundo informou a Seap (Secretaria de Estado de Administração Penitenciária). O número de mortos pode ser maior, pois a SSP não tinha entrado na penitenciária para verificar a situação até a divulgação inicial da quantidade de detentos assassinatos. A rebelião ocorreu no pavilhão 5.

 

Domingo é dia de visitas no presídio, mas a Seap não soube informar se havia reféns.

 

A rebelião ocorre dois anos e meio após o massacre no Compaj que resultou no assassinato de 46 detentos, em janeiro de 2017.

 

Em nota, a Seap e a SSP-AM (Secretaria de Segurança Pública do Amazonas) informam que a situação está controlada, mas não revelam o número de mortos. O policiamento foi reforçado no presídio e entorno. Também houve aumento no número de policiais em outras prisões para prevenir contra novas rebeliões. Não há informações sobre fugas e não houve agentes penitenciários reféns.

 

De acordo com o secretário da Seap, Marcus Vinícius Almeida, a intervenção foi rápida e o tempo de resposta foi muito reduzido em relação a ocorrências anteriores. Não disse, porém, em quanto tempo a polícia controlou a rebelião.

 

Vídeo fake

 

Segundo a Seap, imagens que circulam nas redes sociais e divulgadas em alguns sites de notícias, mostrando detentos em fuga, não são da ocorrência deste domingo no Compaj, localizado no km 8 da BR-174.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS