close

Crise no PSL: Eduardo Bolsonaro compara Joice a nota de R$ 3

A parlamentar, que foi tirada da liderança do governo no Congresso, não deixou barato: "Sei o que vocês fizeram no verão passado"

METRÓPOLES

18 de Outubro de 2019 às 14:55

Crise no PSL: Eduardo Bolsonaro compara Joice a nota de R$ 3

FOTO: (Divulgação)

Um dia após a deputada Joice Hasselmann (PSL-SP) ser tirada da liderança do governo, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL) deu continuidade ao racha que se instalou no partido do presidente Jair Bolsonaro. Nas redes sociais, ele comparou a parlamentar com uma cédula de R$ 3. O filho do chefe do Executivo ainda acusou Joice de “trabalhar contra o cara” que a elegeu.

 

“Se acha a dona de tudo, ‘porque EU aprovei’, ‘porque EU isso’, ‘EU aquilo’, ‘EU sou mais filha do que os filhos do presidente’, ‘EU sou a Bolsonaro de saias’, mas correu a noite coletando assinaturas para termos Delegado Waldir de líder, pessoa que irritada com o presidente orientou obstrução à MP 886, botando em risco uma pauta nacional devido a um problema pessoal”, escreveu Eduardo.

 

 

A deputada não deixou barato e também usou as mídias sociais para contra-atacar, afirmando que a manifestação do filho do presidente foi mais um “presentinho da milícia” contra ela. “Não se esqueçam que eu sei quem vocês são e o que fizeram no verão passado”, ameaçou Joice.

 

 

A alfinetada de Eduardo Bolsonaro foi em relação à entrevista que a ex-líder do governo concedeu na última quinta-feira (17/10/2019). Na ocasião, ela disse que o presidente tem inteligência emocional de “-20” e denunciou a existência de uma “milícia virtual” bolsonarista, com direito a “muitos robôs” e pagamentos a parte desse exército on-line. O comentário foi feito pouco tempo depois dela ser destituída da liderança do PSL no Congresso.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS