close
logorovivo2

Edital do Ibama prevê concurso com 1.630 vagas

Solicitação inclui oportunidades em carreiras de níveis médio e superior.

DA REDAÇÃO

22 de Fevereiro de 2018 às 12:41

Edital do Ibama prevê concurso com 1.630 vagas

FOTO: (Divulgação)

Após dois anos de escassez de concursos públicos, 2018 vem com a promessa de retoma dos certames federais. Pelo menos, foi o afirmado pelo Ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira. Com isso, diversos órgãos já protocolaram pedidos de vagas junto à pasta.

 

Um deles é o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). A solicitação enviada pelo órgão conta com 1.630 oportunidades os cargos de técnico e analista. O total inclui 680 vagas para contratação imediata e o saldo para formação de cadastro de reserva.

 

A verdade é que esse mesmo pedido já havia sido enviado em 2016, porém, foi negado em meio à grave crise pela qual o país atravessava. No entanto, o Ibama passa por déficit em seu quadro funcional, levando à nova solicitação.

 

Carência, esta, que pode aumentar. Segundo estimativas do diretor de Planejamento, Administração e Logística do órgão, Luiz Antônio Correia, cerca de 25% dos servidores ativos deve se aposentar nos próximos três anos. Com isso, 850 postos ficariam vagos.

 

Números apresentados pela assessoria de comunicação do órgão apontam a tendência decrescente do quadro. Em 2014, o Ibama apresentava 4.046 servidores ativos. No ano seguinte, o órgão fechou com 3.790 servidores, enquanto 2016 apresentou quadro final de 3.602 ativos. Ainda não há fechamento oficial para 2017, porém, estima-se que cerca de 3.300 servidores estejam ativos.

 

Uma preocupação com essa carência é o combate ao desmatamento. O efetivo baixo dificulta a fiscalização eficiente, contribuindo para o aumento dos índices de queimadas e desarborização das matas. Vale lembrar que não há concursos vigentes para o Ibama, mais um motivo para a aprovação urgente de um novo edital.

 

O que esperar do Concurso IBAMA – 2018

 

A solicitação com 1.630 vagas foi protocolada junto ao Planejamento em maio de 2017. O pedido permaneceu parado por oito meses, mas, recebeu 15 movimentações, somente, em fevereiro. O quantitativo de vagas já foi confirmado e, no momento, a solicitação encontra-se na Secretaria de Gestão de Pessoas do Ministério do Planejamento.

 

Quando autorizado, o Concurso Ibama 2018 deverá ofertar 270 vagas para analista administrativo, 610 para técnico administrativo e 750 para analista ambiental. O quantitativo inclui contratação imediata e formação de cadastro de reserva. O cadastro, inclusive, permanecerá ativo para convocações por três anos, objetivando o suprimento de vacâncias por aposentadorias previstas.

 

Os candidatos deverão ser selecionados por meio de provas objetivas (todos os cargos) e discursivas (analista).

 

Cargos, salários e atribuições

O Concurso IBAMA 2018 deverá incluir vagas nas carreiras de técnico e analista (administrativo e ambiental). As carreiras exigem, respectivamente, formação em níveis médio e superior. Confira maiores detalhes abaixo:

 

Técnico Administrativo: exige conclusão de nível médio. Dentre suas atribuições, está a atuação em atividades de cunho administrativo e logístico, além do suporte técnico e administrativo às unidades do Ibama. Suas funções se dão em áreas de documentação, controle interno, gestão de material, pessoas e patrimônio, dentre outras. A remuneração inicial prevista para o cargo é de R$ 4.866,94, incluindo o vale-alimentação no valor de R$ 458,00.

 

Analista Administrativo: exige conclusão de nível superior em qualquer área. Dentre suas atribuições, estão atividades administrativas e logísticas de nível superior, como gestão de materiais e pessoas, acompanhamento da execução e fiscalização de contratos, atendimento aos públicos interno e externo, elaboração e arquivamento de documentos, dentre outros. A remuneração inicial prevista para o cargo é de R$ 9.389,84, incluindo o vale-alimentação no valor de R$ 458,00.

 

Analista Ambiental: exige formação de nível superior em área específica, além de registro no órgão de classe. Atua no planejamento ambiental, organizacional e estratégico para implantação de políticas de meio ambiente. Políticas, estas, relacionadas às atividades de regulação, fiscalização, controle, licenciamento e auditoria ambiental, dentre outras. A remuneração inicial prevista para o cargo é de R$ 9.389,84, incluindo o vale-alimentação no valor de R$ 458,00.

 

Além da remuneração inicial prevista, o servidor do Ibama tem direito ao plano de cargos e outros benefícios. Dentre estes, estão o custeio de cursos de pós-graduação, mestrado ou doutorado, além de auxílios transporte e saúde. A jornada é de 40h semanais.

 

Anualmente, são feitas avaliações de desempenho, possibilitando promoções. O plano de carreiras inclui cinco classes – A, B, C e especial. Cada uma possui quatro níveis, com exceção da especial, que possui três. A cada ano, mediante as avaliações, o servidor ocupa um nível. Em média, o servidor chega ao topo de carreira com 13 anos de serviço.

 

Concurso IBAMA – 2013

 

Sob a organização do Cespe/Unb (Cebraspe), o Ibama disponibilizou 61 vagas na carreira de analista administrativo. Os candidatos foram avaliados por meio de provas objetivas e discursivas, além de perícia médica.

 

Os aprovados foram lotados nos estados de Acre, Amapá, Amazonas, Bahia, DF, Espírito Santo, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Piauí, Rio Grande do Sul, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins.

 

 

O certame registrou a participação de 43.533 candidatos, conforme mostra a tabela de concorrência  média de 713,66 candidatos/vaga. A validade do certame expirou em 2017.

 

Concurso IBAMA – 2012

 

No mesmo ano, o Ibama publicou dois editais. O primeiro ofertou 300 vagas na carreira de técnico administrativo. Os candidatos foram avaliados por meio da aplicação de provas objetivas e perícia médica.

 

As vagas eram destinadas à lotação nos estados do Acre, Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, DF, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Paraná, Piauí, Rio de Janeiro, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins.

 

Ao todo, 112.199 candidatos se inscreveram às vagas, gerando uma média de 374 candidatos por vaga. No entanto, mais de 450 aprovados foram nomeados.

 

O segundo edital ofertou 108 vagas no cargo de analista ambiental. As especialidades incluídas foram Licenciamento Ambiental; Monitoramento, Regulação, Controle, Fiscalização e Auditoria Ambiental; Gestão, Proteção e Controle da Qualidade Ambiental.

 

Os candidatos foram avaliados por meio provas objetivas e discursivas, além de perícia médica. A lotação dos aprovados se deu nos estados do Distrito Federal e Rio de Janeiro. O certame contou com 16.290 inscrições, conforme mostra a demanda de candidatos por vaga.

 

Provas Concurso IBAMA – 2018

 

O edital do concurso ainda não foi liberado, mas, até mesmo pela concorrência, os candidatos já devem adiantar seus estudos. Isso pode ser feito através dos editais anteriores, conforme analisaremos a seguir.

 

O cargo de técnico administrativo foi submetido à provas objetivas e perícia médica. As duas etapas foram aplicadas nas cidades de  Belém, Boa Vista, Brasília, Campo Grande, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Goiânia, João Pessoa, Macapá, Maceió, Palmas, Porto Velho, Rio Branco, Rio de Janeiro, Salvador, São Paulo, Teresina e Vitória.

 

As provas objetivas foram compostas por 120 questões de conhecimentos básicos (50) e específicos (70). Nelas, foram abordados conteúdos de:

 

Língua Portuguesa

 

Noções de Informática

 

Atualidades

 

Matemática

 

Ética no Serviço Público

 

Noções de Direito – Administrativo, Constitucional

 

Legislação do Setor de Meio Ambiente (Ibama)

 

Noções de Administração, Orçamento, Finanças e Contabilidade Pública

 

Noções de Gestão de Pessoas

 

Noções de Arquivologia

 

Maiores detalhes podem ser verificados no edital, acessível pelo link: goo.gl/8GDDu7

 

No mesmo ano, o edital para analista ambiental avaliou os candidatos por meio de provas objetivas, discursivas e perícia médica. As etapas foram realizadas no Distrito Federal e na cidade do Rio de Janeiro.

 

As provas objetivas foram compostas por 120 questões de conhecimentos básicos (50) e específicos (70). Na prova discursiva, os candidatos deviam responder a duas questões práticas e elaborar uma redação. As disciplinas cobradas foram:

 

Língua Portuguesa

 

Atualidades

 

Ética no Serviço Público

 

Noções de Direito – Administrativo, Constitucional

 

Legislação do Setor de Meio Ambiente (Ibama)

 

Licenciamento ambiental: Licenciamento Ambiental Federal, Socioeconomia relacionada ao Licenciamento Ambiental Federal, Infraestrutura e Gestão Ambiental no Licenciamento Ambiental Federal

 

Monitoramento, Regulação, Controle, Fiscalização e Auditoria: Informática, Raciocínio Lógico, Monitoramento, Regulação, Controle, Fiscalização e Auditoria Ambiental

 

Gestão, Proteção e Controle da Qualidade Ambiental: Língua Inglesa, Gestão de Resíduos Sólidos e Substâncias Perigosas, Proteção da Atmosfera, Poluição Sonora, Remediação Ambiental e Dispersantes Químicos, Noções de Pedologia, Ecotoxicologia, Química Ambiental e Fitossanidade, Segurança Química

 

Maiores detalhes pelo edital, acessível pelo link: goo.gl/VitX4R

 

Por fim, no edital para analista administrativo, os candidatos passaram por provas objetivas, discursivas e perícia médica. As provas foram aplicadas em Aracaju, Belém, Belo Horizonte, Boa Vista, Brasília, Campo Grande, Cuiabá, Curitiba, Florianópolis, Macapá, Manaus, Palmas, Porto Alegre, Porto Velho, Rio Branco, Salvador, São Luís, São Paulo, Teresina e Vitória.

 

As provas objetivas foram compostas por 120 questões de conhecimentos básicos (50) e específicos (70). Na prova discursiva, os candidatos deviam elaborar uma redação. As disciplinas cobradas foram:

 

Língua Portuguesa

 

Informática

 

Atualidades

 

Matemática

 

Ética no Serviço Público

 

Noções de Direito – Administrativo, Constitucional

 

Legislação do Setor de Meio Ambiente (Ibama)

 

Administração Geral e Pública

 

Administração Orçamentária, Financeira e Orçamento Público

 

Gestão de Pessoas

 

Administração de Recursos Materiais

 

Maiores detalhes pelo edital, acessível pelo link: goo.gl/7FX8hg

 

Sobre a banca organizadora

 

O Cebraspe foi a banca organizadora dos últimos certames do Ibama. Portanto, há grandes chances de ser definida como responsável pelo próximo edital. Vejamos uma breve análise do perfil de provas elaboradas pela banca.

 

Muitos concurseiros consideram o Cebraspe como uma das bancas mais difíceis. Sua famosa  regra “uma resposta errada anula uma certa” exige alto preparo por parte dos candidatos, além de recomendar que ele não “chute” quando não tiver certeza da resposta.

 

Outro ponto que fomenta o preparo de alto nível é o caráter global e interdisciplinar das provas. O Cebraspe não exige conteúdo decorado, mas, entendido e aplicado. Por isso, os mais experientes têm isso como uma forma justa de avaliação.

 

As provas de Língua Portuguesa vêm com a aplicação de textos adaptados e retirados da internet.Neles, a banca cobra interpretação e Gramática. Já nas provas de Direito, o candidato verá a mistura de doutrina e jurisprudência, tendo como base referências bibliográficas preferenciais. Por fim, nas provas de Informática, a cobrança é de pacotes Office, Windows e Internet.

 

A lista de concursos já realizados pelo Cebraspe encontra-se no site: www.cespe.unb.br/concursos/

 

Inscrições Concurso IBAMA – 2018

 

O pedido do Concurso Ibama 2018 ainda está sob da Secretaria de Gestão de Pessoas do Ministério do Planejamento. No entanto, devido à urgência pelas aposentadorias previstas, a expectativa é de que a aprovação seja dada em breve. Com isso, o edital pode ser lançado em seguida, abrindo o período de inscrições no Concurso Ibama 2018.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS