close
logorovivo2

Três espetáculos na 2ª Mostra de Encenações do Dartes da Unir

O festival contará com apresentação de peça portuguesa

RONDONIAOVIVO - EDIÇÃO

15 de Outubro de 2018 às 12:39

Três espetáculos na 2ª Mostra de Encenações do Dartes da Unir

FOTO: (Divulgação)

A 2ª Mostra de Encenações do Dartes da Unir terá três apresentações teatrais entre os dias 24 e 26 de novembro, no Teatro Guaporé, na capital. A promoção é da Trupe dos Conspiradores e Funcer, com apoio da Sejucel. Os ingressos podem ser retirados na bilheteria do teatro uma hora antes do espetáculo.

 

A abertura, no dia 24, às 20 horas, será com a apresentação do espetáculo “As Palavras de Jó”, do grupo de Teatro do Centro Cultural Português do Mindelo, Cabo Verde (Portugal). Classificação – 14 anos.

 

No segundo dia, será a vez da peça “Inimigos do Povo - Trupe de Conspiradores”, de Rondônia. Esse projeto Trupe já foi contemplado pelo pelo prêmio de Teatro Jango Rodrigues, em 2017. Indicação – 14 anos.

 

No dia 26, sobe ao palco a Cia Peripécias de Teatro, de Rondônia, com o espetáculo “Tabule”, com classificação 12 anos.



Palavras de Jó

 

É um espetáculo que grita. Um grito de alerta, um chamado à razão e à lucidez para o maior problema da humanidade - quando os homens matam em nome de Deus, na verdade, eles matam toda a ideia de transcendência e divindade.

 

“As Palavras de Jó”, do autor Matéi Visniec, grita aos semelhantes e aos humanos que parem de se matar uns aos outros e de lutar em nome de Deus! "Não o sujem se vocês o amam. E não sujem também a sua palavra”.

 

Inimigos do Povo
 

Espetáculo teatral contemporâneo (que mistura teatro, teatro de formas animadas, dança, música, vídeos e projeções) livremente inspirado na obra “Um Inimigo do Povo” (1882), do dramaturgo norueguês Henrik Ibsen. O processo de montagem desse espetáculo iniciou-se dentro do Curso de Licenciatura em Teatro da Universidade Federal de Rondônia (UNIR) e hoje é uma ação do Projeto de Extensão Trupe dos Conspiradores: pesquisa e prática em encenação e em atuação.

 

Esse trabalho teatral traça um paralelo entre as temáticas do texto de Ibsen com acontecimentos político-sociais do Brasil atual. Por meio de Inimigos do Povo conspira-se contra a corrupção, homofobia, hipocrisia, unanimidade, racismo, machismo, partidarismo, intolerância religiosa e de gênero, ditadura, mau-caratismo, fome, reforma trabalhista, reforma da previdência e precarização da saúde e da educação.



Tabule



Protagonizado pelo ator Júnior Lopes, tem como ponto de partida a cultura árabe e a sociedade pós 11 de setembro para dar ênfase ao cruzamento de culturas entre o pensamento “oriente” versus “ocidente”. A montagem é uma tragicomédia que apresenta, de maneira irreverente, situações propositalmente exageradas e estereotipadas sobre as percepções de cada cultura.



 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS