close
logorovivo2

INCENTIVO: Amazônia das Palavras tem início dia 05 de novembro

O projeto passará por oito cidades da Amazônia

ASSESSORIA

29 de Outubro de 2018 às 14:40

INCENTIVO: Amazônia das Palavras tem início dia 05 de novembro

FOTO: (Assessoria)

O Amazônia das Palavras, projeto que vai levar literatura a oito cidades da Amazônia Brasileira, tem início no próximo dia 05 de novembro na cidade de Manaus e se estende até dia 21, com término em Porto Velho. Navegando cerca de 1.300 Km pelos Rios Negro, Amazonas e Madeira, a expedição literária visita as cidades de Itacoatiara (07/11), Nova Olinda do Norte (09/11), Borba (12/11), Novo Aripuanã (14/11), Manicoré (16/11) e Humaitá (19/11), além das duas capitais do Norte do país.

 

Com o objetivo de estimular a leitura e o hábito de acesso aos livros para jovens e adolescentes das redes públicas de ensino das oito cidades visitadas pelo Amazônia das Palavras, o projeto está dividido em várias atividades culturais, todas gratuitas.

 

 

 

Durante o dia serão realizadas, sempre nas dependências das unidades de ensino, as Oficinas Literárias, onde escritores e artistas reconhecidos nacionalmente tratam, junto com os alunos, de temas variados. São cinco oficinas, assim distribuídas: “Contação de Histórias Indígenas” com José Bessa; “Produção de Contos” com José Roberto Torero; “Sons do Cotidiano” com Bira Lourenço; “Poesia: Narrativa e Escuta” com Elizeu Braga e “Animação: Palavra Animada” com Leo Ribeiro.

 

No período noturno, o Amazônia das Palavras apresenta dois espetáculos culturais: o primeiro é a “Aula Espetáculo Memórias da Amazônia”, onde escritores, como que encantadores das palavras, partilham de suas experiências literárias pessoais com o público. Em Manaus e Itacoatiara será apresentada, pelo Professor Daniel Munduruku a Aula Espetáculo “Catando piolhos, contando histórias: minhas memórias da Amazônia”. Nas outras seis cidades do trajeto o Professor José Bessa ministra a Aula Espetáculo “Cinco ideias equivocadas sobres os índios”.

 

 

 

Fechando as atividades noturnas, o Espetáculo Circense “Cloro: o palhaço que engole letras” representado pelo artista argentino Diego Gamarra, apresenta o Palhaço Cloro e a sua mala carregada de livros e histórias, no universo mágico da literatura, dos livros e das letras.

 

Em Manaus, as atividades do Amazônia das Palavras serão realizadas no Centro Estadual de Tempo Integral Gilberto Mestrinho (CETI), escolhida “por se tratar de uma escola que vem desenvolvendo um trabalho bem expressivo com seus alunos, inclusive de valorização da cultura do Amazonas”, de acordo com a Central Pedagógica da Secretaria de Estado da Cultura do Amazonas.

 

Nesta Edição 2018, o Amazônia das Palavras tem como homenageado o Poeta da Floresta Thiago de Mello, em reconhecimento ao conjunto de sua obra e sua luta, através da literatura, em defesa da diversidade da Floresta Amazônica e na exaltação da denúncia contra a opressão.

 

 

 

 

A partir das 19:00 horas do dia 05 de novembro, nas dependências do CETI, será realizada pelo Amazônia das Palavras, a doação, a Thiago de Mello, do projeto conceitual do “Memorial Esperança Thiago de Mello”, criado pelo artista multimídia Rudney Prado em conjunto com a arquiteta Letizia Esposito. É uma contribuição do Amazônia das Palavras para a implantação de um memorial em defesa da Floresta, com o perfil de Thiago de Mello e seus cabelos representados por árvores dos cinco grandes biomas brasileiros que, juntas, alertam para a necessidade da preservação da rica diversidade brasileira.

 

O Amazônia das Palavras tem o patrocínio do BNDES, Governo Federal, Ministério da Cultura, Lei Rouanet.

 

 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS