close
logorovivo2

PREPARATIVOS: Confira a coluna "Lenha na Fogueira", por Zékatraca

Durante o carnaval o mais importante, é preservar a integridade física do folião e de todos que estejam na avenida

ZÉKATRACA

21 de Fevereiro de 2019 às 09:54

PREPARATIVOS: Confira a coluna "Lenha na Fogueira", por Zékatraca

FOTO: (Divulgação)

Nesta quinta-feira (21), às 9h00, o Departamento de Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) apresenta as ações estratégias nas áreas de saúde, trânsito e fiscalização que serão adotadas no carnaval 2019. A reunião terá a participação do Comitê Municipal de Segurança Viária, e representantes dos blocos carnavalescos.

 

**********

 

Se você é dirigentes de bloco, não pode deixar de comparecer a essa reunião. Quem deveria ser convocado também e acho que foram, são os representantes dos ambulantes venderes de tira gostos e bebidas.

 

**********

 

Sabemos que é proibido a utilização de churrasqueira, tacho de fritar pastel, banana e batata etc à beira da passarela por onde passam os blocos, porém, é o que mais se vê durante os desfiles dos blocos em especial, no desfile da Banda do Vai Quem Quer. O fogareiro do amendoim também deve ser proibido. O vendedor vem no meio do povo: “Olha o quente, olha o quente” e numa dessas pode queimar as pessoas.

 

**********

 

Garrafa de bebida seja alcoólica ou não, também deve ser proibida durante os desfiles.

 

**********

 

Durante o carnaval o mais importante, é preservar a integridade física do folião e de todos que estejam na avenida.

 

**********

 

Bom, os desfiles oficiais começam amanhã 22, com o bloco “Areal Folia” fazendo o circuito Pinheiro Machado.

 

*********

 

Apesar do Carnaval ser uma das maiores fontes de arrecadação de impostos no Brasil. Rondônia parece que não está nem aí para isso, pois, não faz nada para atrair o turista a vir passar o carnaval em Porto Velho.

 

**********

 

O Setor de Turismo estadual, não coloca uma nota a respeito da maior festa popular brasileira. Era para vincular em tudo quanto era mídia, uma peça publicitária (de vergonha), convidando o folião do estado a vir passar o carnaval em Porto Velho assistindo ou brincando no maior bloco da amazônia a Banda do Vai Quem Quer.

 

*********

 

Na cultura, o carnaval é muito mais que um simples festejo ou feriado, se constituindo como uma das maiores manifestações brasileiras. Sem dúvida é também uma excelente oportunidade para o resgate de tradições, preservação da cultura local e de reafirmação de laços entre as comunidades, além de uma excelente oportunidade de geração de trabalho e renda.

 

*********

 

Quando nos referimos a Banda do Vai Quem Quer é porque ela é a maior referência do nosso carnaval. A outra era o bloco Galo da Meia Noite!

 

*********

 

De qualquer maneira, bem que se poderia trabalhar o chamamento convidando o turista a curtir o carnaval na capital de Rondônia a partir do dia 28 de fevereiro (quinta feira) até o dia 5 de março (terça-feira), participando dos desfiles dos blocos:

 

********

 

Vai e Volta (quinta 28), Us Dy Phora e Canto da Coruja (sexta feira 1º); Banda do Vai Quem Quer (sábado dia 2); Murupi (domingo dia 3); Jatuarana Sul (segunda dia 4) e Porto Maria (terça-feira dia 5).

 

*********

 

Os órgãos responsáveis pelo turismo na capital e no estado, não fazem nada para atrair ou orientar os turistas que desembarcam no aeroporto Governador Jorge Teixeira ou na Rodoviária de Porto Velho.

*********

Não existe um panfleto, nem no aeroporto, nem na rodoviária. O setor hoteleiro também não faz nada! E assim, até parece que Rondônia não precisa do dinheiro dos turistas. Nem só de Madeira Mamoré, de Parapente de Ouro Preto e Forte Príncipe da Beira, vive o turismo de Rondônia. Tá faltando mais ação dos nossos órgãos de turismo.

 

*********

 

Quer saber de uma coisa! Vou comprar meu convite da feijoada da Banda que é bem melhor e trocar meus dois quilos de alimento por uma Bandana, ou então por um Copo ou Chaveiro. Antes que o aniversário dela chegue.

 

*********

 

Fui!

 

 

 

Musas apenas com o corpo pintado,

Sábado, na Feijoada da Banda


 

No próximo sábado dia 23, a Banda do Vai Quem Quer oferece: “A Feijoada Esquenta Carnaval” a partir do meio dia no Clube da OAB, à rua Rio de Janeiro em Porto Velho.

 

Os convites podem ser adquiridos na sede do bloco, à rua Joaquim Nabuco entre a Carlos Gomes e a D. Pedro II no horário comercial, inclusive no horário do almoço, ao preço de R$ 20.

 

Durante a feijoada as Musas da Banda, Dulce Silva e Geise irão se apresentar com o corpo apenas pintado. “Na realidade, todas as Musas da Banda estarão se apresentando durante a Feijoada, porém, com o corpo pintado, apenas a Dulce (Musa da Banda) e a Geise (Musa do Ressaca Folia)” disse a presidente Siça Andrade.

 

O grupo do Loro Rodrigues é quem vai animar os presentes e a Banda da Banda, fará alguns momentos de carnaval com as principais marchinhas do bloco;

 

 

CARNAVAL SOLIDÁRIO

 

Este ano a Banda do Vai Quem Quer realiza mais um “Carnaval Solidário”, para isso, já está arrecadando alimento não perecível. Para contribuir com o “Carnaval Solidário” o folião deve trocar na sede da Joaquim Nabuco 2 quilos de alimento, por um dos brindes colocados a disposição: Chaveiro, Copo e Bandana. A presidente Siça pede aos foliões que levem os alimentos. “Muitos querem dar o dinheiro, porém, fica difícil para nossa equipe ter que adquirir os alimentos já que todos estamos concentrados na venda das camisetas da Banda e da Feijoada, Por favor”. Solicita Siça.

 

 

CAMISETAS

 

As Camisetas da Banda com o Tema “Tudo Junto e Misturado # Elasim”, estão a venda ao preço de R$ 50. “Aceitamos cartão débito e crédito (parcelado em até duas vezes). alertamos nossos foliões, que apenas 3 mil camisetas foram confeccionadas, por isso, é bom procurar adquirir a sua com antecedência, para não ficar fora da corda de isolamento”, lembra a diretora Yalle Dantas.

 

 

 

Bloco Pirarucu do Madeira

E as escolas de samba

 

Sem trio elétrico, sem, corda de isolamento, sem fantasia oficial, sem camiseta ou abadá, sem frescura, vem aí o bloco mais democrático da Amazônia o Pirarucu do Madeira. Sob os acades da Banda Puraqué e puxado pela dupla Ernade Segismundo e Luciana Oliveira da Silva o Pirarucu está prontinho para desfilar no próximo domingo dia 24, pelo circuito “Pinheiro Machado”.

 

Este ano, os foliões dirigentes do bloco da Arigolândia, resolveram se aderir à indignação dos dirigentes das escolas, por estas não terem conseguido a compreensão do poder municipal, que não concordou em contribuir financeiramente com seus desfiles e resolveram homenagear o segmento que realmente faz cultura ao desfilar, que são a escolas de samba que através de seus enredos, passam aos espectadores cenas da história do Brasil, do Estado e do Mundo, coisa que nenhum bloco de trio faz. “As escolas de samba mostram em seus desfiles a verdadeira história mundial”, disse Segismundo, assim sendo, prossegue o carnavalesco nosso bloco v ai homenageá-las em seu desfile, mostrando seus pavilhões e parte de seus brincantes fantasiados ou não. “O importante é mostrar as nossas autoridades culturais que o respeito as tradições de um povo devem ser espeitado”.

 

 

 

 

 

 

O desfile do Bloco Pirarucu do Madeira vai acontecer no próximo domingo dia 24, com a concentração a partir das 12 horas e desfile a partir das 16 horas. “Agora é a vez de destacar nas ruas a importância histórica das Escolas de Samba da capital que resistem ao tempo e ao desprezo do poder público”.

 

Este ano de crise profunda tomamos uma decisão difícil, a de recusar apoio da prefeitura com carro de som e banheiros químicos. Apesar de sustentarmos que é dever do poder público fomentar a cultura popular, optamos por demonstrar solidariedade às valiosas escolas de samba que não desfilarão por mesquinhez e ignorância”, disse o presidente Ernande Segismundo.

 


 

Escolas de samba homenageadas

 

Com estandartes serão homenageadas as escolas mais antigas e mais recentes: Deixa Falar, O Triângulo Não Morreu, Unidos do Guaporé, Os Pobres do Caiari, Diplomatas do Samba, Asfaltão, São João Batista, Unidos da Castanheira, Armário Grande, Império do Samba, Unidos do Areal. Mocidade Independente do KM 01, Boto Verde e Rosa, Unidos do Mato Grosso e outras. “A cultura popular sempre vai sobreviver aos avanços obscurantistas. Convido todos à folia de paz, alegria, fantasias e cores em mais um carnaval popular de tradição”, finalizou Segismundo.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS