close

ESPAÇO ABERTO: Cinco famílias destruídas na capital em apenas um fim de semana

Confira a coluna

RONDONIAOVIVO - CÍCERO MOURA

16 de Setembro de 2019 às 09:14

ESPAÇO ABERTO: Cinco famílias destruídas na capital em apenas um fim de semana

FOTO: (Divulgação)

ALERTA

 

Nesse momento não dá para especular como as autoridades podem contribuir para mudar essa triste estatística, mas alguma coisa precisa ser feita com muita urgência. É triste e assustador o número de suicídios que vem sendo registrado no estado. Só neste fim de semana foram 05 mortes, quatro na capital e uma, nesta madrugada, em Vilhena. As vítimas com perfil totalmente distintos: advogado, empresário, estudante.

 

 

ALERTA 02

 

Nos casos do fim de semana, como em outros tantos registrados pelo país, a depressão tem sido uma das principais causas que levam à fatalidade. Entendo que reportagens registrando os casos precisam ser avaliadas por famílias com pessoas depressivas como um alerta para busca de ajuda o quanto antes. Muitas vezes as famílias interpretam como bobagem um diagnóstico de depressão, na prática isso já deixou de ser “doença de rico” há muito tempo.

 

 

CASA CHEIA

 

Bazar da solidariedade da Pestalozi foi um sucesso. O evento realizado no sábado,14, lotou as dependências da Pestalozi, no bairro Costa e Silva, na zona Norte de Porto Velho. Mais de 10 mil itens foram colocados à venda com preços bem populares. Nem mesmo o calor de 40 graus conseguiu espantar os visitantes. Quase todas as peças foram vendidas. Parabéns aos organizadores que já planejam um novo bazar para ainda este ano.

 

 

 

 

 

SEM COMUNICAÇÃO

 

Policiais civis de delegacias especializadas estão procurando o Rondoniaovivo para pegar informações sobre ocorrências divulgas em nosso jornal. Os agentes se queixam que policiais militares estão registrando as ocorrências em Delegacias da região onde houve o fato e não nas especializadas como casos que envolvem, por exemplo, crimes contra a mulher e a criança. Com o sistema informatizado mobile as equipes da PM podem enviar, do local do fato, a ocorrência para as especializadas, quando for o caso.

 

 

SEM COMUNICAÇÃO 02

 

O comandante da Polícia Militar de Rondônia, coronel Ronaldo Flores, disse que quando a PM registra um fato em delegacia da área onde houve a ocorrência sendo ela pertinente a uma especializada, cabe ao delegado enviar o documento para quem é de direito. Simples assim.

 

 

POSSIBILIDADE

 

O empresário Augusto Pellucio disse que se afastou da funções operacionais do Grupo Sapiens e agora está apenas no conselho de administração. A iniciativa é para ajudar a organizar o diretório municipal do Podemos, de Porto Velho, partido em que está filiado também o deputado Léo Moraes.

 

 

MAIS ASSINATURAS

 

Pellucio disse que já convidou alguns empresários pra se juntar com a presidência (Júlio Gasparelo e Valdir Vargas). O propósito é construir uma candidatura majoritária para a capital, onde segundo Guto não há um nome definido  ainda. Léo Moraes seria o nome natural e forte mas tudo vai depender de discussões e avaliações que ainda serão feitas.

 

 

CONVENCIMENTO

 

Falando em Léo Moraes, ele já conseguiu  mais de 180 assinaturas para a inclusão de uma emenda de sua autoria na Proposta de Lei 45-A/2019, que traça o rumo do Sistema Tributário Nacional para os próximos anos.

 

A proposta de Léo Moraes coloca um marco limitador no debate da Reforma Tributária e proíbe o aumento de impostos. A “briga” promete ser boa pois a proposta de Léo chega justamente no momento em que a equipe econômica de Paulo Guedes busca alternativas para aumentar a arrecadação, inclusive tentando ressuscitar a famigerada CPMF.  

 

 

 

 

 

ENERGISA

 

Moradores da Vila do Dnit, do outro lado da ponte do rio Madeira, estão reclamando de constantes falta de energia elétrica na região. Comerciantes afirmam que já estão tendo prejuízo com sorvetes e outros produtos que precisam ser mantidos gelados para conservar a validade.

 

 

ENERGISA 02

 

A Energisa não retornou as mensagens da coluna.

 

 

ENERGISA 03

 

Depois, quando a população bloqueia a BR em protesto atrapalhando a vida de todo mundo tem gente que ainda condena os moradores.

 

 

FILANTROPIA

 

A Unopar de Rondônia realizou um Ciclo de palestras sobre inteligência artificial na atualidade. O ingresso foi um quilo de alimento não perecível. O evento superou as expectativas e toda a arrecadação foi encaminhada para a Família Roseta. Com frequência a Unopar tem realizado eventos voltados ao conhecimento onde o ingresso são alimentos não perecíveis que são doados para entidades filantrópicas.

 

 

 

 

 

PRIMEIRO EQUÍVOCO

 

Secretária Municipal de Saúde de Porto Velho, Eliana Pasini, acusou o Homem do Tempo, Willian Ferreira, de ter invadido a área da secretaria para mostrar seringas descartáveis vencidas que estariam “guardadas”, cobertas por uma lona, esperando para ser incineradas.

 

 

SEGUNDO EQUÍVOCO

 

Após saber das declarações da secretária Eliana, Willian Ferreira voltou ao local e mostrou que não precisa pular o muro da secretaria para registrar o problema. As caixas com seringa estão amontoadas próximo ao muro que é baixo, além disso no lado para a rua existem “tocos” de madeira que facilitam a vida de quem quer observar o que há do outro lado do muro.

 

 

 

 

TERCEIRO EQUÍVOCO

 

Sobre a quantidade de dinheiro público jogado fora, já que as seringas serão incineradas por ter o prazo de validade vencido, Eliana Pasini informou que milhares de seringas foram distribuídas para todo o estado e mesmo assim ainda sobraram centenas de unidades. Ora, o que tem  a ver Porto Velho com outras cidades?

 

 

 

 

 

CARIDADE

 

A única alternativa de raciocínio que resta após os argumentos apresentados pela secretária Eliane é que alguém na prefeitura, com poder de caneta, entendeu que Porto Velho tem uma enorme capacidade financeira, com dinheiro suficiente para promover benevolência aos demais municípios rondonienses.

 

 

IMPUNIDADE

 

É bem provável que ninguém vai ser responsabilizado pelo desperdício e muito menos o dinheiro gasto à toa vai retornar para os cofres públicos.

 

 

OUTRO GASTO

 

Lembrando que a tal incineração, citada pela secretária Eliane Pasini, terá que ser paga pelo município. Ela informou que já está em andamento uma licitação para a contratação de empresa especializada em material hospitalar para incinerar as seringas.

 

 

AUDIÊNCIA PÚBLICA

 

Assembleia Legislativa realiza nesta segunda-feira,16, audiência pública da Câmara Federal para tratar da regularização fundiária em Rondônia com a cúpula do Governo Federal. A audiência acontece a partir das 9 horas, no auditório Amizael Gomes da Silva na Assembleia Legislativa em Porto Velho.

 

 

 

 

Mande suas sugestões de pauta, fotos, denúncias ou reclamações para espacoaberto@rondoniaovivo.com.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS