close
logorovivo2

COPA DO BRASIL: Fla marca no último minuto e arranca empate contra o Grêmio

Luan e Lincoln fizeram os gols no 1 x 1 desta quarta-feira (1º), em Porto Alegre, pelas quartas de final da Copa do Brasil

FOLHAPRESS

2 de Agosto de 2018 às 08:45

COPA DO BRASIL: Fla marca no último minuto e arranca empate contra o Grêmio

FOTO: (Divulgação)

O Grêmio vencia até os 48 minutos do segundo tempo, mas não resistiu à pressão do Flamengo. Em um jogo com tempos distintos, o time gaúcho pagou o preço por atuar muito recuado. Luan e Lincoln fizeram os gols no 1 x 1 desta quarta-feira (1º), em Porto Alegre, pelas quartas de final da Copa do Brasil.

 

Agora, a disputa da vaga nas semifinais acontecerá no Maracanã, no dia 15 de agosto. O vencedor avança para enfrentar o ganhador do confronto entre Corinthians e Chapecoense. Um novo empate - independentemente do número de gols- leva a decisão para os pênaltis.

O Grêmio abriu o jogo com marcação alta e abafando a saída do Flamengo, mas logo depois passou a esperar um pouco mais. Fechando espaços, o time gaúcho se mostrou mais contundente ao arriscar chutes de fora da área de forma constante. Mas foi com profundidade que a vantagem apareceu.

 

Léo Moura na linha de fundo e quatro jogadores dentro da área.O Flamengo pode ter fechado o primeiro tempo sem uma chance claríssima de gol, mas sempre que foi ao ataque gerou algum tipo de problema ao Grêmio. A velocidade de Marlos Moreno, o drible de Everton Ribeiro e a versatilidade de Lucas Paquetá mantiveram o time no jogo mesmo quando o domínio dos donos da casa parecia resultar em gol. Uma das estratégias da equipe foi pressionar Maicon, o ditador de ritmo do Grêmio.

 

A atuação do Flamengo inspirou tanto cuidado que ainda no primeiro tempo o Grêmio fez uma mudança tática. Ramiro, sempre fixado do lado direito do meio-campo, passou para esquerda com a missão de auxiliar Marcelo Oliveira. O camisa 17 deu mais solidez contra Rodinei, Everton Ribeiro e até Diego, mas na etapa final, voltou para a direita.A grande jogada de Léo Moura expõe outra vez a fragilidade do lado esquerdo do time de Barbieri. Na semana passada, Rodrygo fez fila justamente no setor para servir gol do Santos.

 

Agora, a marcação mais espaçada permitiu que o camisa 2 do Grêmio progredisse até o fim. E assim saiu o primeiro gol da partida. Em tabela com Ramiro, Léo Moura cruzou para Luan acertar um chute de primeira no canto direito, aos 38min.E assim ficou o placar até o intervalo. Na etapa final, a vantagem fez o Grêmio recolher as linhas, atuar mais recuado e apostar na velocidade. A armadilha do contra-ataque, contudo, não deu certo. Bastante recuado, o time da casa ainda deu chutões na defesa.

 

O Flamengo pressionou e perdeu duas chances claras de gol. Uma com Lucas Paquetá, que fez fila pela esquerda da área e chutou para grande defesa de Grohe. Depois, após tabela pelo mesmo lado esquerdo da área, o cruzamento na medida para Diego cabecear para fora.Mas, com tanta insistência e sem apelar para os balões para o meio da área, o Flamengo foi premiado com um gol aos 49 minutos. Em uma tabela pelo lado esquerdo da área, um cruzamento rasteiro encontrou Lincoln, que bateu de primeira para empatar a partida.

 

GRÊMIO

 

Marcelo Grohe; Léo Moura (Léo Gomes), Geromel, Kannemann, Marcelo Oliveira; Maicon, Cícero, Ramiro, Luan, Everton (Marinho); André (Jael). T.: Renato Gaúcho

 

FLAMENGODiego Alves; Rodinei, Léo Duarte, Réver, Renê; Cuéllar, Diego, Lucas Paquetá; Éverton Ribeiro; Marlos Moreno (Vitinho), Uribe (Lincoln). T.: Maurício Barbieri

 

Estádio: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)

 

Público: 40.075 pessoas (37.358 pagantes) 

 

Renda: R$ 1.919.531,00

 

Juiz: Raphael Claus (SP)

 

Gols: Luan, aos 38min do primeiro tempo (Grêmio); Lincoln, aos 49min do segundo tempo (Flamengo)

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS