close

COPA AMÉRICA: Brasil aproveita chances no 2º tempo e supera Bolívia por 3 x 0

Comandados de Tite chegaram a ser vaiados no fim da primeira etapa, mas conseguiram impôr a superioridade nos 45 minutos finais

METRÓPOLES

15 de Junho de 2019 às 08:14

COPA AMÉRICA: Brasil aproveita chances no 2º tempo e supera Bolívia por 3 x 0

FOTO: (Getty Images)

pós não ter conseguido aproveitar suas chances no 1º tempo, a Seleção Brasileira finalmente desencantou na segunda etapa, em sua estreia na Copa América. Com dois gols de Philippe Coutinho (pênalti e de cabeça, respectivamente), e um golaço de Everton “Cebolinha”, o Brasil venceu a Bolívia por 3 x 0 no estádio do Morumbi.

 

A vitória amenizou um pouco a pressão sobre o técnico Tite, cuja relação de amor com o torcedor — que chegou a vaiar a seleção no fim do 1º tempo — ficou abalada após a derrota para a Bélgica nas quartas de final da última Copa do Mundo.

 

O Brasil volta a campo na próxima terça-feira (18/6/2019), para enfrentar a Venezuela, às 21h30, no estádio Fonte Nova (BA). Já a Bolívia mede forças com o peru, no Maracanã, às 18h30, também na terça.

 

O jogo


Sem Neymar, cortado devido a uma lesão no tornozelo e envolvido em uma acusação de estupro, o Brasil foi a campo com: Alisson; Daniel Alves, Marquinhos e Thiago Silva; Casemiro, Fernandinho e Phillipe Coutinho; Richarlison, David Neres e Roberto Firmino. Já a Bolívia, do técnico Eduardo Villegas, escalou: Lampe; Diego Bejarano, Haquín, Jusino e Marvin Bejarano; Justiniano, Saucedo, Raúl Castro e Saavedra; Chumacero e Marcelo Moreno.

 

Como esperado, a Seleção Brasileira — estreando um belo uniforme branco — começou a partida pressionando a Bolívia. O trio Firmino, Richarlison e David Neres, a exemplo do que foi exibido no último amistoso, contra a Honduras, conseguiu envolver a defesa adversária com passes precisos e muita movimentação. Apesar de alguns sustos à meta de Lampe, o placar seguiu inalterado.

 

Apesar de controlar as ações, o time brasileiro teve dificuldades de encontrar espaços para tocar a bola e tentar finalizações certeiras no restante do 1º tempo, se conformando a jogar a bola na área, sem acertar o gol boliviano.

 

Após o apito que encerrou a primeira etapa da partida, vaias foram ouvidas da torcida paulista.

INTERVALO!

🇧🇷 0 x 0 🇧🇴 | #JogaBola #BRAxBOL pic.twitter.com/D1LqKrNNaz

— CBF Futebol (@CBF_Futebol) 15 de junho de 2019

INTERVALO!

🇧🇷 0 x 0 🇧🇴 | #JogaBola #BRAxBOL pic.twitter.com/D1LqKrNNaz

— CBF Futebol (@CBF_Futebol) 15 de junho de 2019

 

2º tempo


Determinada a apagar a má impressão deixada na primeira etapa e aproveitar melhor as chances, o Brasil começou o 2º tempo se lançando ao ataque e foi logo recompensado. Com intervenção favorável do VAR, que confirmou toque no braço do zagueiro Jusino, Philippe Coutinho, de pênalti, abriu o placar do jogo.

 

E a porteira se abriu! Dois minutos depois da cobrança de pênalti certeira, Coutinho recebeu cruzamento preciso de Firmino aos 7 do segundo tempo e, de cabeça, ampliou para o Brasil.

 

Ainda deu tempo de Everton Cebolinha marcar um golaço! Aos 41, em jogada individual, o atleta do Grêmio cruzou a área boliviana saindo da ponta esquerda até o meio da área e fuzilou no canto do goleiro Lampe, dando números finais à partida. Brasil 3 x 0!

 

 

FIM DE JOGO!

🇧🇷 3 x 0 🇧🇴 | #JogaBola #BRAxBOL pic.twitter.com/TdFYqCkcys

— CBF Futebol (@CBF_Futebol) 15 de junho de 2019

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS