close

Sindicalista afirma que Sindsef defende unificação das tabelas para professores do ex-território

Sindicalista afirma que Sindsef defende unificação das tabelas para professores do ex-território

DA REDAÇÃO

24 de Abril de 2008 às 09:41

Sindicalista afirma que Sindsef defende unificação das tabelas para professores do ex-território

FOTO: (Divulgação)

A sindicalista Maria Aparecida (Sindsef), disse que o governo federal apresentou e discutiu as propostas de aumento salarial na nova tabela que será apresentada no Projeto de Lei a ser enviado ao Congresso Nacional depois que os sindicatos organizados fizeram uma pressão no último dia 26 com passeatas em frente ao Palácio do Planalto. A unificação da tabela é a idéia defendia por ela para a categoria. Veja aqui o Termo do Acordo publicado no site do Sinasefe: Aparecida disse que desde o dia 05 de dezembro do ano passado que as reuniões acontecem com técnicos do Ministério do Planejamento, com o objetivo de ver a categoria do ex-território de Rondônia incluída na tabela que a princípio seria apresentada através de uma Medida Provisória. Mas, não havia a inclusão desses servidores. Com isso, a diretoria do Sindsef, fez gestão junto à bancada federal do estado e de outros como Roraima e Amapá, tentando sensibilizar o governo para a valorização dos servidores e tratamento isonômico. Após cansativas reuniões, houve uma promessa por parte da equipe econômica do Lula de que haveria a possibilidade dessa inclusão. Não houve, e a pressão aumentou. Após a participação do Sindsef em Brasília com uma caravana, somando-se aos demais sindicatos espalhados pelo país, o governo sentindo-se pressionado, resolveu ceder e incluir os professores federais na tabela e aumentar o percentual dos aposentados, diminuindo a diferença entre os ativos, culminando com a tão sonhada paridade, pelo menos em parte e não em sua totalidade. Herclus Coelho, presidente da entidade, “disse que essa negociação já é um grande avanço”, concluiu. Os diretores da entidade estiveram em Brasília, para assegurar as promessas do governo federal na forma documental, com o intuito de finalmente repassar aos associados à informação do acordo expresso que contemple a categoria. Maria Aparecida disse que a tabela ideal é aquela que garante a unificação salarial dos professores.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS