close

Amazonas - Concurso para professor da Ufam é suspenso por irregularidades

Amazonas - Concurso para professor da Ufam é suspenso por irregularidades

DA REDAÇÃO

28 de Junho de 2008 às 08:14

Amazonas - Concurso para professor da Ufam é suspenso por irregularidades

FOTO: (Divulgação)

O concurso para os cargos de professor da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), foi suspenso ontem (27) pela juíza Jaiza Maria Pinto Fraxe, da 1ª Vara da Justiça Federal. A informação é do jornal Diário do Amazonas. O motivo seria irregularidades nos editais que abriram vagas para Manaus e o interior. A ação é movida pelo Ministério Público Federal (MPF). A liminar evitou a realização das provas do concurso para a Faculdade de Direito, que estavam marcadas para hoje (28). Da decisão ainda cabe recurso ao processo que deu entrada na última segunda-feira. O MPF questiona a legalidade dos editais 005, 006, 007, 008, 009 e 013 publicados este ano, bem como nas Resoluções 002 e 003/2006, que os regulamentam, que vão desde a ausência de reserva de vagas para portadores de necessidades especiais previstas em lei, até a violação aos princípios constitucionais da publicidade e da meritocracia, bem como ao da economicidade, isonomia, impessoalidade e eficiência. Irregularidades Outro ponto destacado é a quebra do sigilo das provas, a fim de se resguardar a impessoalidade do certame. Na fase destinada à leitura da prova escrita, não houve qualquer argüição acerca de seu conteúdo, o que não justifica a atribuição de uma nova nota, muito menos que isso fosse feito anteriormente à divulgação da nota da prova escrita. O edital também não apresenta motivações para que a publicação do resultado final seja restrito a duas vezes a quantidade de vagas previstas para cada cargo, o que fere o mencionado princípio da economicidade, vez que haveria um novo concurso caso o número de vagas fosse reduzido e os primeiros colocados não assumissem o cargo. Constatou-se, também, uma violação ao princípio do concurso público, ao permitir que outros candidatos, aprovados em outras instituições federais de Ensino Superior, pudessem assumir os cargos oferecidos na Ufam.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS