close

Novo distrito abriga quatro das maiores empresas pimentenses

Novo distrito abriga quatro das maiores empresas pimentenses

DA REDAÇÃO

14 de Novembro de 2008 às 10:03

Novo distrito abriga quatro das maiores empresas pimentenses

FOTO: (Divulgação)

Se tivesse arrecadação própria, o Itaporanga “quebraria” Pimenta Bueno

É no entroncamento de acesso ao município de Espigão do Oeste que se concentra a maioria das residências do agora distrito de Itaporanga. O núcleo habitacional está no entorno do Posto Itaporanga, à cerca de seis quilômetros do centro de Pimenta Bueno.

A elevação a condição de distrito vinha sendo reivindicada pelos moradores principalmente pela necessidade de regulamentação fundiária, já que a área é considerada como propriedade rural, dificultando investimentos públicos através de convênios.
Evidencia-se também que o tratamento voltado aos distritos tem mais abrangência do que aquele que se reserva aos bairros, já que presume-se que distritos são pequenas cidades, ainda que com reduzido grau de autonomia. A aprovação de Lei criando o Distrito de Itaporanga foi uma das últimas ações da Câmara Municipal na atual Legislatura, tendo sido bastante aplaudida pela comunidade itaporanguense.

O novo distrito de Pimenta Bueno chama a atenção pela potencialidade econômica que exibe. Caso fosse município, poderia ter uma arrecadação igualada ou até maior que Pimenta Bueno, já que no distrito estão quatro das maiores empresas do município, sendo que duas provavelmente estão entre as cem maiores de Rondônia.

O distrito de Itaporanga abriga a Lind’água, líder estadual no engarrafamento de água mineral e fabricação de refrigerantes, a Cooperocarne, um dos mais modernos frigoríficos do Brasil, a Indústria Riozinho de Madeiras (IRM), que durante anos seguidos foi a maior contribuinte de impostos municipais e ainda o Posto Itaporanga, braço do Grupo Cairu, um conglomerado de empresas que ostenta o título de maior gerador de emprego e renda na região de Pimenta Bueno.


A área rural do Distrito de Itaporanga também apresenta excelente musculatura econômica. È no recém criado distrito que se localiza um dos maiores produtores de melancia da região norte do Brasil, além de destacada empresa que produz e distribui alevinos de peixes para criadores de todo o Estado.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS