close

Seduc garante atendimento aos alunos na rede estadual, em mais de 400 escolas

Seduc garante atendimento aos alunos na rede estadual, em mais de 400 escolas

DA REDAÇÃO

27 de Janeiro de 2010 às 16:10

Seduc garante atendimento aos alunos na rede estadual, em mais de 400 escolas

FOTO: (Divulgação)

O período de início das aulas e os preparativos que antecedem esta fase foram amplamente debatidos e explicados na mídia pelos representantes da Secretaria de Estado da Educação (Seduc). Na manhã desta terça-feira (20) o adjunto Pascoal de Aguiar falou para duas emissoras de TV. Na parte da tarde a secretária titular, professora Marli Cahulla, concedeu entrevista ao jornalista Maurício Calixto, apresentador do Programa A Hora do Povo, na Rádio Rondônia FM, que vai ao ar das 12:00 às 13:00 horas. Às 14h30, a secretária dedicou sua atenção aos telespectadores da RedeTV, gravando entrevista para o Programa Fique Ligado, apresentado pelo deputado Euclides Maciel.

 

 

De acordo com Marli Cahulla, o início das aulas caminha bem, com atendimento garantido aos alunos na rede estadual, em mais de 400 escolas.  As matrículas transcorreram normalmente, sem a necessidade de dormir em filas. O início do ano letivo está previsto para 8 de fevereiro, mas já na terça-feira (2) começa a Semana Pedagógica, que reunirá os professores da Rede Estadual em Porto Velho. Quanto ao transporte escolar, foi realizada reunião com prefeitos em dezembro de 2009, visando à assinatura de convênio com as prefeituras e, nos casos em que isto não foi possível, o estado fez licitação, garantindo o transporte de seus alunos. Em 2009, o ano letivo começou em março em virtude do início de mandato de muitos prefeitos, que necessitaram de tempo para “tomar pé” da situação e colocar as estradas em boas condições de trânsito. Neste ano verifica-se a volta da normalidade com as aulas começando em fevereiro.

 

O possível aumento da população em Porto Velho devido à construção das hidrelétricas levou a Seduc a programar para 2010 um amplo programa de construções e reformas escolares para receber novos alunos. Foram 57 processos de construção e reforma em 2009 e 63 processos em 2010, garantindo acessibilidade e reforma elétrica. Além das obras, serão adquiridos 200 ônibus novos, com recursos próprios do Estado. A titular da Seduc abordou também os processos seletivos e concursos, que, segundo sua análise, deverão resolver o problema da defasagem de professores. “No domingo (24) realizamos um processo seletivo. Nosso concurso está previsto para 7 de março, quando será iniciada a substituição gradativa dos emergenciais” – explicou a secretária.

 

 

Indagada sobre merenda escolar, a secretária explicou que os recursos estão garantidos, com compras regionalizadas pela Associação de Pais e Professores (APP), mediante licitações. Isto tem garantido a otimização dos recursos, com a aquisição de produtos mais baratos e de ótima qualidade. Paralelo ao processo eficaz de compras há o incentivo ao cultivo de horta nas escolas, que tem garantido significativa melhoria na qualidade da merenda, com a oferta de verduras e legumes frescos.

 

 

Em resposta aos ouvintes do Programa “A Hora do Povo”, a secretária falou da gratificação aos professores em sala de aula e aumento salarial dos servidores, cujos projetos serão enviados brevemente para aprovação na Assembléia Legislativa. Respondeu questionamentos sobre construção e reforma de prédios escolares e funcionamento de laboratórios de informática, terminando por aconselhar a participação dos pais na escola, fato que comprovadamente traz melhorias no rendimento escolar dos filhos.  

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS