close
logorovivo2

URUPÁ – Polícia Civil prende suposto homicida

URUPÁ – Polícia Civil prende suposto homicida

DA REDAÇÃO

7 de Fevereiro de 2012 às 05:00

URUPÁ – Polícia Civil prende suposto homicida

FOTO: (Divulgação)

Na última terça-feira (31/01) foi encontrado o corpo de Aldecir P.S., com uma perfuração no pescoço. A ocorrência de homicídio foi registrada na Delegacia de Urupá.

Desde então, os policiais civis desta Delegacia começaram a investigar o crime, ouviram várias pessoas que estiveram com Aldacir e no mesmo dia conseguiram identificar o provável assassino como Nelson C.E., de 39 anos, que não foi encontrado.

Os policiais conseguiram levantar que a vítima, no dia 30/01, permaneceu até as 22 horas, no Bar situado na rua 08 de março com a rua Augusto Hadjasz, próximo ao local do crime.

Das pessoas que estavam no Bar naquele dia quase todas foram localizadas e ouvidas, porém foi informado aos policiais que Nelson, vulgo "Neri", o qual esteve no referido Bar, estava em lugar incerto e não sabido. A família dele informou que Neri havia saído cedo e não disse para onde iria.

Diante dessas informações e confirmando que Neri esteve com a vítima no Bar, os policiais de Urupá diligenciaram na tentativa de localizá-lo.

No sábado (04/02) os policiais obtiveram informação de que o suspeito estaria na cidade de Ji-Paraná, escondido na casa de um primo.

Com o apoio de policiais da Delegacia de Polícia de Ouro Preto do Oeste, as equipes, sob o comando do delegado titular de Urupá, Roberto dos Santos, se dirigiram até a Rua T-13 entre a Rua Freijó e Rua Tarauacá, bairro Cafezinho, cercaram a casa. Sem possibilidade de fugir, Nelson não reagiu à prisão e se entregou.

Primeiramente Neri fora encaminhado à Delegacia de Ji-Paraná, onde confessou a autoria do homicídio e disse que estava bebendo com a vítima quando tiveram uma discussão. Em seguida, foram embora e no caminho sacou uma faca e desferiu um golpe, atingindo o pescoço do amigo. Nelson relatou, também, que depois do crime fugiu para o município de Jaru e posteriormente para Ji-Paraná, onde pretendia se entregar à Polícia.

Em seguida o acusado foi encaminhado à Delegacia de Urupá e agora encontra-se à disposição da justiça.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS