close
logorovivo2

Padre embriagado causa acidente ao bater em carro de casal

O padre preferiu se manter em silêncio e seus advogados conseguiram junto à Justiça liberdade por meio de alvará com o juiz plantonista da Comarca de Itu.

JR.JOR.BR

14 de Maio de 2018 às 15:02

Padre embriagado causa acidente ao bater em carro de casal

FOTO: (Divulgação)

O padre Edélcio Francisco Ferreira Netto, de 56 anos, da igreja católica do bairro Novo Itu, em Itu, foi preso por soldados da Polícia Rodoviária depois de se envolver em acidente de trânsito que causou capotamento de um carro no Km 83 da Rodovia Bispo Dom Gabriel Paulino Bueno Couto, na região rural de Cabreúva, no sábado (12), à noite.

 

O padre preferiu se manter em silêncio e seus advogados conseguiram junto à Justiça liberdade por meio de alvará com o juiz plantonista da Comarca de Itu.

 

De acordo com relatos dos soldados da Polícia Rodoviária ao delegado Luciano Freitas, de Cabreúva, o padre dirigia seu Ônix pela faixa da direita, quando perdeu o controle da direção vindo a colidir na traseira do veículo Celta que estava à sua frente.

 

Logo após a colisão o carro onde havia um casal capotou e chocou-se contra o alambrado de separação da rodovia.

 

Edélcio foi abordado pelos policiais rodoviários que constataram sinais de embriaguez, como fala pastosa, olhos vermelhos e odor etílico.

 

O padre concordou em realizar teste da bafômetro, tendo o equipamento registrado 0,98 mg/l de ar alveolar expelido dos pulmões.

 

Diante dos fatos foi dada voz de prisão e em seguida Edélcio foi conduzido para a Santa Casa de Cabreúva, para atendimento médico, pois sofreu fratura no ombro direito. O padre foi levado até o Distrito Policial onde preferiu se manter em silêncio, sem especificar que tipo de bebida alcoólica consumiu.

 

Vítimas

 

No Celta atingido pelo carro do padre estavam Arleidis Correira de Oliveira e Valdir de Oliveira Pontes, moradores no bairro do Jacaré, em Cabreúva. As vítimas sofreram ferimentos leves e também foram conduzidas pela ambulância para o Pronto Atendimento de Itu.

 

O padre responderá processo em liberdade.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS