close

INJUSTIÇA: Soldados da Borracha nunca receberam 13º salário e lutam por direitos

Mesmo após décadas, a esperança desses ex-combatentes em serem devidamente valorizados não é deixada de lado

DA REDAÇÃO - JOÃO PAULO PRUDÊNCIO

22 de Outubro de 2019 às 14:28

INJUSTIÇA: Soldados da Borracha nunca receberam 13º salário e lutam por direitos

FOTO: (Divulgação)

Com a chegada do final do ano trabalhadores, aposentados e pensionistas de todo o país já começam a fazer as contas de como irão aplicar, gastar ou utilizar o dinheiro extra do décimo terceiro, porém, uma categoria de trabalhadores nunca chegou a ter esse direito, os Soldados da Borracha. 

 

Constituída por uma faixa etária de idosos, esses soldados atuaram na Amazônia Brasileira durante a segunda guerra mundial, se arriscaram em uma região desconhecida por grande parte do povo brasileiro e até hoje representam a história viva da miscigenação dos povos do Norte. 

 

Mesmo com uma história de luta e empenho em defesa da sociedade, esses soldados vivem até os dias atuais um sentimento de desvalorização e angústia por não terem seus direitos básicos acolhidos. Na luta pela garantia do bem estar e valorização dessas pessoas está o Sindicato dos Soldados da Borracha – SINDSBOR. 

 

Soldados de guerra

 

Mesmo após décadas, a esperança desses ex-combatentes em serem devidamente valorizados não é deixada de lado. Um exemplo é o relato do presidente do SINDSBOR, José Romão Grande, que diz não possuir o décimo terceiro, mas confia na luta que vem sendo desempenhada em favor da categoria. 

 

“Trabalhamos e não recebemos nosso direito, queremos que o governo brasileiro pague os nossos direitos, inclusive o décimo terceiro”, afirmou José Romão Grande. 

 

Outro ex-combatente é Bionor Antônio dos Santos, com 99 anos de idade nunca recebeu um décimo terceiro como Soldado da Borracha. “Com 74 anos desde que comecei a trabalhar nessa missão na floresta amazônica nunca recebi o décimo”, disse.

 

Empenho

 

No Congresso Nacional o empenho do deputado federal Mauro Nazif (PSB) vem trazendo resultados positivos em defesa da categoria. O décimo terceiro dos Soldados da Borracha ainda é uma briga que vem sedo travada no Congresso.

 

Neste ano, o presidente Jair Bolsonaro assinou o decreto que criou o 13º salário aos beneficiários do programa Bolsa Família, o que chamou a atenção dos soldados da borracha, que buscam por esse direito há décadas.

 

A Pec 1589/2019 da autoria do deputado Mauro Nazif segue tramitando no Congresso Nacional , e o presidente Bolsonaro que já se manifestou publicamente a favor da luta desses ex-combatentes, sancione a Lei que irá amenizar ao menos um pouco a condição financeira desses bravos guerreiros ao final de cada ano.

 

Confira o vídeo:

 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS