close
logorovivo2

Campus Cacoal tem trabalho premiado com menção honrosa pela SBPC

De acordo com a SBPC, o intuito da premiação é incentivar os jovens estudantes, professores e pesquisadores na elaboração e apresentação de suas pesquisas

ASSESSORIA

6 de Março de 2018 às 08:32

Campus Cacoal tem trabalho premiado com menção honrosa pela SBPC

FOTO: (Assessoria)

A diretoria da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) entregou ao Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO), Campus Cacoal, um diploma de menção honrosa pela apresentação do trabalho “Grupo de Pesquisa Práticas Discursivas na Amazônia em ações interdisciplinares: ensino, pesquisa, extensão - um espaço em construção”. Ele foi apresentado durante a 69ª Reunião Anual da entidade, que ocorreu em julho de 2017 na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

 

De acordo com a SBPC, o intuito da premiação é incentivar os jovens estudantes, professores e pesquisadores na elaboração e apresentação de suas pesquisas. O título de Honra ao Mérito, conquistado pelo Grupo de Pesquisas do IFRO, reconhece a importância do trabalho e do conjunto de dados apresentado.

 

Orientador do projeto, o professor Sérgio Nunes explica que as ações da pesquisa ocorrerão para promover um espaço de debates práticos e aquisição de conhecimentos junto a alunos do Ensino Médio da Rede de Escolas Públicas e Privadas nos municípios de Cacoal, Rolim de Moura, Pimenta Bueno e Espigão d’Oeste. “Essas ações interdisciplinares proporcionam a disseminação de conhecimentos e de novas tendências tecnológicas, promovendo a inclusão digital e socioprofissional desse público”, disse o professor.

 

Para atingir essa meta o projeto foi desenvolvido na modalidade dos cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC) e atendeu a 1.819 alunos nos municípios de Cacoal, Pimenta Bueno, Espigão do Oeste, Ji-Paraná, Ouro Preto do Oeste e Ministro Andreazza de 16 instituições de ensino. A ação atendeu ainda quatro casas de apoio ao Hospital do Câncer e a Guarda-Mirim em Cacoal.

 

Solidariedade

 

Além de partilhar conhecimento e educação com crianças e alunos de outras entidades, o projeto realizado pelos professores do Campus Cacoal em parceria com docentes das Faculdades Integradas de Cacoal (Unesc) também possui viés solidário, com arrecadação de alimentos em seus eventos, ao longo do ano, para distribuição à comunidade vulnerável do município. “Esse ano arrecadamos 7.312 quilos de alimentos e entendemos que, além de beneficiar a população de Cacoal, esses itens poderiam ser compartilhados em outras cidades que também são atendidas pelo nosso campus. Por isso, parte desses alimentos também foi distribuída em Pimenta Bueno e Espigão do Oeste, das quais temos grande representatividade de alunos e projetos”, observou Nunes.

 

Diretor-Geral da unidade, Davys Sleman lembrou que o Grupo de Pesquisas PDA já possui quase dez anos de atividades consolidadas e entende que as premiações e os números positivos são o saldo de um esforço constante dos alunos e professores, que além da rotina de aulas encontram tempo e motivação para desenvolverem projetos de relevância pedagógica e social. “Certamente estamos orgulhosos e satisfeitos, motivados para continuar essa curva ascendente que colocou o PDA como um dos grupos de pesquisa mais relevante de nossa região. Há muito esforço, seriedade e competência, o que torna esse projeto um grande benefício para o IFRO e para a nossa comunidade que é beneficiada, de diferentes formas, pelo conhecimento que desenvolvemos em Cacoal”, disse.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS