close
logorovivo2

Proprietário do Aquarius Selva Hotel é acusado por policial civil de constrangimento ilegal

Proprietário do Aquarius Selva Hotel é acusado por policial civil de constrangimento ilegal

DA REDAÇÃO

26 de Dezembro de 2008 às 15:02

Proprietário do Aquarius Selva Hotel é acusado por policial civil de constrangimento ilegal

FOTO: (Divulgação)

Na manhã de quinta-feira (25), o policial civil aposentado Iran da Paixão Tavares Filho, 54 anos, registrou ocorrência policial contra Uirande Castro, proprietário do Aquários Selva Hotel por constrangimento ilegal consumado.
De acordo com a ocorrência 08E1005008208 o policial que é associado ao Simpeftro – Sindicato dos Policiais Civis do Ex- Territorio e que está localizado na frente do Hotel, foi na manhã do dia de Natal, por volta de 8hrs até o referido hotel para tomar seu café, como faz diariamente. O valor estabelecido segundo Iran é de R$2,00.
Quando entrou no saguão, um funcionário disse em voz alta que o proprietário do Hotel, de prenome Uirânde teria dado ordem para impedir sua entrada no Hotel. Fato este que teria sido presenciado por outros funcionários da recepção e por hospedes que estavam no local na hora do fato.
Iran questionou a atitude do funcionário, alegando que é pessoa de bem e que sempre pagou suas despesas no Hotel. O policial também garantiu que vai buscar o ressarcimento na justiça pela mácula na honra.
*Aos leitores, ler com atenção*

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS