close
logorovivo2

Polícia prende "pivô" de chacina em Buritis

Polícia prende "pivô" de chacina em Buritis

DA REDAÇÃO

29 de Março de 2013 às 14:50

Polícia prende "pivô" de chacina em Buritis

FOTO: (Divulgação)

Policiais Civis de Buritis em conjunto com o Departamento de Investigações Criminais (Deic) na cidade de Goiânia (GO), prenderam nesta semana o suspeito mais procurado de Buritis. Trata-se de José Carlos Barbosa, 38 anos, acusado de matar o empresário Roni Castro em março do ano passado, a vítima era dono de uma farmácia em Buritis e foi assassinado a tiros de escopeta em uma propriedade rural do município.


De acordo com investigações da polícia um mês após a morte de Roni, o filho da vítima por nome Gesulino tentou vingar a morte do pai e contratou pistoleiros e montaram tocaia no sítio do pai de José Carlos e no dia 05 de abril, interessados em comprar um gado oferecido pelo pai de José Carlos, quatro pessoas da cidade de Ouro Preto do Oeste, entre elas um policial civil e um agente penitenciário foram até a propriedade em uma caminhonete, lá estavam os pistoleiros contratos por Gesulino e fizeram uma emboscada, achando que fossem o pai de José Carlos ou o mesmo cercaram o carro apontando armas de fogo e houve uma troca de tiros e morreram os quatro ouropretenses e também dois pistoleiros.


A identificação de José Carlos se deu após uma abordagem da PM de Goiânia, com ele foi encontrado uma arma de fogo e foi conduzido à Delegacia de Polícia onde tentou enganar os policiais apresentando um documento falso. Uma denúncia chegou até a Polícia Civil de Buritis e apontava que o suspeito preso era José Carlos.


O delegado titular de Buritis Dr. Lucas Torres junto com o chefe do Sevic, entraram em contado com o DEIC em Goiás e descobriram a verdadeira identidade do preso e se deslocaram para a capital goiana e recambiaram José Carlos para Ariquemes, onde posteriormente será encaminhado para o presídio Urso Branco.


A polícia civil apresentou o acusado em coletiva de imprensa durante a manhã desta quinta-feira (28) em Ariquemes, em entrevista, extremamente frio Jose Carlos confessou que matou o empresário Roni porque ele descobriu que a vítima estava com planos de matar seus pais para se apossar das terras e gado, tendo em vista que Roni tinha outra terra vizinha as dos pais de Jose Carlos. Durante a entrevista Jose Carlos disse que ha muitos anos conhecia o finado Roni e que o mesmo tinha mandado matar mais de 80 pessoas.


De acordo com a polícia José Carlos esta sendo investigado por outros crimes de homicídio na região de Buritis

*Aos leitores, ler com atenção*

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS