close
logorovivo2

ELCIONE: Agente da Semtran é colocado em liberdade e deve voltar ao trabalho

Segundo informações, depois de uma audiência realizada na 2ª Vara Criminal, o pedido para a substituição da prisão foi feito pelo Ministério Público e atendida pelo juízo

RONDONIAOVIVO

11 de Setembro de 2018 às 16:05

ELCIONE: Agente da Semtran é colocado em liberdade e deve voltar ao trabalho

FOTO: (Divulgação)

O agente da Semtran - Secretaria Municipal de Trânsito, Elcione José Sales, foi colocado em  liberdade nesta terça-feira (11). Ele havia sido preso pelo crime de por porte ilegal de arma de fogo no dia 05 de julho deste ano. O agente é envolvido em outros escândalos na capital. 

 

Segundo informações, depois de uma audiência realizada na 2ª Vara Criminal, o pedido para a substituição da prisão foi feito pelo Ministério Público e atendida pelo juízo. 

 

A defesa do servidor público requereu o retorno ao emprego e também foi atendida.

 

Ele foi solto após solicitação em razão de diligências requeridas pelo Ministério Público, o que irá atrasar o prazo para a sentença. Foi anexada aos autos uma gravação do programa Fantástico, com entrevista do advogado Marco Vilela, que aparece com seguranças. Um deles seria Elcione. A Justiça quer saber se uma as armas que aparece na filmagem é a mesma apreendida durante o flagrante do agente por porte ilegal.

 

Elcione não poderá frequentar bares e locais que comercializem bebidas alcoólicas, para o consumo no local, após às 22 horas, apresentar-se mensalmente ao juízo e não poderia ter trabalho nas ruas, até o julgamento definitivo da ação penal. “Esclareço que como o acusado Elcione está recebendo o seu salário, não é justo que fique afastado totalmente das suas atividades, recebendo dos cofres públicos, disse o juiz.

 

VEJA MAIS:

 

DE NOVO: Agente da Semtran, Elcione, é preso com armas fazendo segurança de advogado

 

CONFUSÃO: Agente da Semtran agride advogado Breno Mendes na Central de Flagrantes

 

*Aos leitores, ler com atenção*

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS