close
logorovivo2

BALEADO: Dono de bar é preso no hospital suspeito de agredir PM que matou dois e feriu quatro

O comerciante teria participado do espancamento do PM

RONDONIAOVIVO

6 de Janeiro de 2019 às 14:54

BALEADO: Dono de bar é preso no hospital suspeito de agredir PM que matou dois e feriu quatro

FOTO: (Divulgação)

Acabou preso no hospital João Paulo II no início da tarde deste domingo (06) o comerciante Agenor da Silva, 39. Ele foi baleado na perna e nádegas pelo policial militar Josevânio S. O., 39, durante esta madrugada em um bar de sua propriedade, localizado na Rua Vila Mariana, na zona Leste de Porto Velho.

 

O comerciante foi baleado junto com outras cinco pessoas, sendo que duas morreram. Agenor foi preso após receber alta e ser reconhecido como um dos autores do espancamento do policial. Segundo o cunhado do PM, quando estava na frente da UPA Leste socorrendo Josevânio na carroceria de um carro, o comerciante, mesmo baleado, teria agredido o policial com uma barra de ferro, por vingança. 

 

Agenor recebeu voz de prisão e foi encaminhado à Central de Flagrantes por tentativa de homicídio. O policial também será preso, caso sobreviva. 

*Aos leitores, ler com atenção*

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS