close

ENERGISA: Léo Moraes oficializa pedido de intervenção no PROCON/RO no Ministério da Justiça

A possibilidade de que o Ministério da Justiça, através da Secretaria do Consumidor, venha a intervir nesse caso é real

ASSESSORIA

31 de Outubro de 2019 às 14:50

ENERGISA: Léo Moraes oficializa pedido de intervenção no PROCON/RO no Ministério da Justiça

FOTO: (Divulgação)

Nesta última semana o deputado federal Léo Moraes (PODE) foi até a sede do Ministério da Justiça, local onde funciona a Secretaria Nacional em Defesa do Consumidor para cobrar providências sobre as denuncias relacionadas ao serviço disponibilizado pela Energisa na distribuição de energia elétrica à população rondoniense.

 

Léo Moraes relatou ao diretor do departamento nacional do consumidor, Fernando Meneguin, que o PROCON/RO vem recebendo diversas denuncias contra a Energisa no Estado, porém nada vem sendo realizado de forma efetiva para que seja defendido o direito do consumidor, principalmente com relação ao preço das tarifas e alterações dos medidores.

 

“Estamos prestes a uma convulsão social em nosso Estado. Todos são responsáveis em minimizar os impactos e fico animado em ver cada vez mais agentes públicos em geral a encampar nossa luta que começou no início de 2018 contra o leilão da Energisa que ocorreu de forma Criminosa”, disse Léo Moras.

 

Intervenção

 

A possibilidade de que o Ministério da Justiça, através da Secretaria do Consumidor, venha a intervir nesse caso é real. Uma vez que Léo Moraes já oficializou o pedido de intervenção e relatou os fatos que vem ocorrendo em Rondônia.

 

“Quando uma pessoa está investida do poder público e ao Invés de Agir, se omite ou silencia, ela prevarica. Cobramos intervenção da Secretaria Nacional junto ao PROCON-RO, pois o mesmo recebeu inúmeras denúncias nesses últimos meses e não atuou de forma diligente é comprometida com o interesse público”, afirmou o deputado Léo Moraes.

 

Resultado

 

Após as intervenções de Léo Moraes, a Secretaria do Consumidor irá oficiar o órgão e se necessário for e mesmo com independência dos Estados irá fazer uma inspeção in loco em nosso Rondônia.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS