close

HERANÇA MALDITA: Hildon Chaves adquire dívida de mais de R$ 100 milhões com empréstimos

Tudo isso foi feito em quatro meses e os pagamentos desses podem ficar para os próximos prefeitos de Porto Velho

RONDONIAOVIVO

5 de Novembro de 2019 às 09:43

HERANÇA MALDITA: Hildon Chaves adquire dívida de mais de R$ 100 milhões com empréstimos

FOTO: (Divulgação)

Na semana passada, o prefeito Hildon Chaves (PSDB) conseguiu aprovar em duas votações sua solicitação para tomada de empréstimo no de R$ 40 milhões para a aquisição de uma frota nova de ônibus para realizar o atendimento dos estudantes da zona Rural de Porto Velho.

 

Atualmente o serviço é realizado pela empresa detentora do contrato, que está apontada pela Polícia Federal e Controladoria Geral da União de suposto esquema em conluio com agentes públicos para lesar os cofres do município.

 

O problema é quem nem mesmo com o dinheiro em mãos, o prefeito Hildon Chaves pode garantir o imediato retorno da normalidade do serviço, uma vez que precisará esclarecer como irá promover a administração desses veículos. Isso porque a prefeitura da capital não é dotada de estrutura com oficinas e um número suficiente de motoristas e cuidadores para atender aproximadamente 140 ônibus.

 

Dívida para 2021

 

Esse é o segundo pedido de tomada de empréstimo aprovado pelo prefeito Hildon Chaves na Câmara Municipal, o primeiro foi no valor de R$ 75 milhões que, de acordo com ele, será utilizado para a realização de serviços de infraestrutura na capital.

 

Somando esses dois empréstimos serão mais de R$ 120 milhões que deverão ser pagos pelo cidadão portovelhense nos próximos anos. Essa dívida pode se tornar uma herança maldita para os próximos prefeitos ou até mesmo para o próprio Chaves, caso permaneça no comando da administração de Porto Velho.

 

Eleições

 

O problema maior é a proximidade do período eleitoral que irá ‘engessar’ Chaves caso ele decida se candidatar a um segundo mandato. A legislação eleitoral veda uma série de ações para o mandatário de cargo que se candidata novamente.

 

A Lei 9.504/1997 traz diversas proibições aos possíveis candidatos que começam ainda no ano da eleição, entre elas a inauguração de obras e a presença em eventos com a participação do poder público.

 

Ou seja, mesmo que Hildon Chaves compre os ônibus não poderá participar das celebrações de entrega dos mesmos, algo muito comum na administração pública quando quer espaço na mídia.

 

Resta aguardar se o problema será resolvido ou mais uma vez a comunidade irá penar e pagar a dívida.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS